Jean Pyerre é derrotado nos pênaltis e cai nas semifinais de torneio online; confira

Campeão da primeira semana, zagueiro do Inter volta a vencer Guga do Atlético-MG na final, só que desta vez numa disputa de pênaltis emocionante após empate sem gols no tempo normal


Fonte: Globoesporte.com

O Controle de Ouro do Futebol de Casa já tem seu primeiro dono. Depois de vencer Guga por 4 a 1 na final da primeira semana, Bruno Fuchs voltou a superar o rival numa disputa emocionante de pênaltis após empate sem gols no tempo normal. A cobrança decisiva foi do argentino D'Alessandro, mas o destaque foi o goleiro Marcelo Lomba que pegou duas cobranças (Ricardo Oliveira e e Vinícius Góes) e deu números finais à final: 4 a 2. Agora, Fuchs aguarda o campeão da terceira semana para defender seu troféu.



LEIA TAMBÉM: Jornal italiano diz que vazamento de negociação por Everton irritou (e muito) direção do Napoli


Vice-campeão, Guga teve um longo caminho até conseguir voltar a enfrentar o algoz do Internacional neste sábado. Passou por Jaílson (Palmeiras) e Gabriel (Corinthians) na fase de grupos e eliminou Jean Pyerre (Grêmio) na semifinal em uma disputa de pênaltis decidida pelo seu próprio personagem na última cobrança.

Disputa do Controle de Ouro

Bruno Fuchs (Inter) 0 x 0 Guga (Atlético-MG)
Fuchs 4 x 2 nos pênaltis
A revanche da final da primeira semana começou com Internacional pressionando. A primeira chance, porém, só veio aos 21 minutos, quando Nico López chutou de fora da área e a bola saiu à direita de Victor. A pressão continuou e cinco minutos depois Edenílson tocou para Guerrero, na pequena área, chutar para defesaça de "São Victor.

O Galo só acordou no segundo tempo e quase abriu o placar logo aos dois minutos. Vinicius Góes arriscou de fora da área e acertou a trave de Marcelo Lomba. A resposta colorada veio de novo com Nico López, que chutou, mas Victor espalmou. O goleiro atleticano passou a ser o melhor jogador em campo e evitou o gol de Guerrero aos 31 na última chance antes do apito final.

A decisão ganhou contornos dramáticos e precisou ser decidida nos pênaltis. Nico Lopez, Guerrero, Edenílson e D'Alessandro marcaram para os Colorados, e Patrick desperdiçou para o Inter. Fabio Santos e Cazares marcaram para o Atlético-MG, enquanto Ricardo Oliveira e Vinícius Góes pararam nas mãos de Marcelo Lomba.

Final da Semana
Guga (Atlético-MG) 4 x 0 Luiz Otávio (Ceará)
Na decisão da segunda semana, Guga abriu o placar logo aos nove, com um balaço de Fábio Santos de dentro da área. Aos 45, Ricardo Oliveira ampliou com um golaço de letra.O terceiro veio no segundo tempo, na marca dos oito minutos, em um balaço de Cazares, e o quarto surgiu dos pés de Ricardo Oliveira aos 19.

Semifinal
Jaílson (Palmeiras) 2 x 3 Luiz Otávio (Ceará)
Do outro lado da chave, Jaílson abriu o placar para cima de Luiz Otávio aos sete, com Luiz Adriano. O jogador do Ceará empatou com Juninho Quixadá, aos 16. O jogador aproveitou a enfiada de bola e tocou na saída do goleiro.

A virada veio com Romário, aos 32 do segundo tempo. E o atacante ainda marcou o terceiro pouco tempo depois, aos 34. Jaílson diminuiu com Luiz Adriano aos 37, mas não foi o bastante para ficar com a vaga.

Semifinal
Guga (Atlético-MG) 1 x 1 Jean Pyerre (Grêmio)
Guga 3 x 1 nos pênaltis
Pelas semifinais da segunda semana, Guga abriu o placar aos 19, com Gustavo Blanco, depois de bola enfiada na área. Jean Pyerre empatou no segundo tempo, aos 20 minutos. A jogada teve triangulação com seu próprio personagem no meio campo, enfiada para Tardelli e finalização precisa.

A vaga teve que ser decidida nas cobranças de pênalti. Guga saiu perdendo na cobrança de Fábio Santos. Em seguida jean Pyerre acertou a trave com seu próprio boneco. Paulo Victor voltou a brilhar na cobrança de Ricardo Oliveira, e Cebolinha abriu o placar para o Grêmio.

Vinícius Goes empatou, e Tardelli desperdiçou para o tricolor. Tudo igual. Maicon fez o segundo do Galo, e o Grêmio perdeu na sequência. O gol da classificação veio com o personagem de Guga no eFootball PES, que soltou um balaço no ângulo. Placar final dos pênaltis: 3 a 1.

TABELA DE JOGOS

QUINTA - 21 de maio - Fase de Grupos
Guga (Atlético-MG) 4 x 0 Jaílson (Palmeiras)
Jean Pyerre (Grêmio) 0 x 6 Luiz Otávio (Ceará)
Jean Pyerre (Grêmio) 1 x 0 Nenê (Fluminense)

SEXTA - 22 de maio - Fase de Grupos
Guga (Atlético-MG) 3 x 0 Gabriel (Corinthians)
Jaílson (Palmeiras) 5 x 2 Gabriel (Corinthians)
Nenê (Fluminense) 0 x 2 Luiz Otávio (Ceará)



SÁBADO - dia 23 - Fase decisiva
Bruno Fuchs (Inter) 0 x 0 Guga (Atlético-MG) - Final do Controle de Ouro
Fuchs campeão nos pênaltis (4 a 2)
Guga (Atlético-MG) 4 x 0 Luiz Otávio (Ceará) - Final da segunda semana
Jailson (Palmeiras) 2 x 3 Luiz Otávio (Ceará) - Semifinal
Guga (Atlético-MG) 1 x 1 Jean Pyerre (Grêmio) - Semifinal
Guga 3 x 1 nos pênaltis


Grêmio, Jean Pyerre, Futebol, Virtual, Semifinais, Guga, Torneio, PES, Imortal

Grêmio divulga balanço financeiro dos meses de janeiro a março de 2020

Leia também: Grêmio quer fatia de R 120 milhões milhões de parceiros para vender Cebolinha ao Napoli





Comentários



Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar!

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui.

Leia também

24/5/2020







23/5/2020