Michel e mais oito: veja como foram os atletas emprestados pelo Grêmio até a parada

Machado, Kaio, Da Silva, Lima, Rafael Thyere, Léo Chú, Jhonata Robert, Michel e Juninho Capixaba tentam engrenar na carreira por outros clubes


Fonte: Globoesporte.com

Foto: Luan Erick / Fortaleza EC
O Grêmio contratou sete reforços para 2020 e manteve a base do elenco de anos anteriores ao prosseguimento do trabalho de Renato Gaúcho no comando técnico. Mas nove jogadores que pertencem ao Tricolor foram emprestados a outros clubes para ganharem minutos em campo. O GloboEsporte.com reúne abaixo a condição de cada um até a suspensão do futebol por causa da pandemia do coronavírus.



LEIA TAMBÉM: Auxílio de vídeos e aparelhos: veja como Leonardo e Marcelo Oliveira seguem rotina de recuperação


Todos os vínculos dos atletas com os novos times vencem no fim do ano. Dois deles, os volantes Machado e Kaio, encerram seus contratos junto ao Tricolor no mesmo período.

Da Silva, Lima e Rafael Thyere têm contrato até 2021; Jhonata Robert e Michel, até 2022; Léo Chú e Juninho Capixaba, até 2023. Veja mais abaixo:

Michel - Fortaleza

O volante de 30 anos tem atuado na maioria dos jogos como zagueiro e recebeu avaliação positiva. Porém, desfalcou o time nos últimos sete compromissos após mais uma lesão no joelho esquerdo.

Entrou em campo pela última vez no dia 22 de fevereiro. Em seis partidas disputadas, foi titular em cinco delas e entrou no intervalo em outra - a derrota para o Independiente, na Argentina, pela Sul-Americana.

Juninho Capixaba - Bahia

Sem espaço no Grêmio após a chegada de Caio Henrique, o lateral-esquerdo de 22 anos reencontrou a boa fase no Bahia de Roger Machado. Disputou posição com Zeca, que pertence ao Inter, e saiu na frente na preferência do treinador.

A avaliação interna é de que o jogador está mais maduro e completo defensivamente em comparação à última passagem pelo Tricolor de Aço, quando subiu ao profissional, em 2017. Foi titular em 10 jogos e tem um gol marcado.

Rafael Thyere - Sport

Em 2019, o zagueiro de 26 anos foi um dos pilares da defesa do Sport que retornou à elite do futebol brasileiro. Mas demorou a negociar o novo empréstimo e fez a pré-temporada enquanto o time já atuava pelo Campeonato Pernambucano.

Depois de recuperar o condicionamento físico, completou três jogos. Só que lesionou a coxa direita em seguida e, depois, veio a parada por causa do coronavírus. Tem contrato de empréstimo com o Sport até dezembro deste ano, com opção de compra.

Kaio - Paraná

Apesar de um início com dificuldade de adaptação, o volante de 25 anos logo conquistou a titularidade no Paraná. Na visão da comissão técnica, tem "ótima técnica e alto potencial". Acumula 11 jogos, três como reserva e oito de titular.

O Grêmio tem ajudado em parte do pagamento do salário do meio-campista. O empréstimo de Kaio vence no fim do ano, mesmo período em que se encerra o contrato com o tricolor gaúcho. Os paranaenses ainda estudam a possibilidade de assinar um pré-contrato com o atleta.

Machado - Cruzeiro

O volante de 24 anos logo conquistou espaço com Adilson Batista. Fazia a primeira função do meio de campo e foi elogiado pela condução na saída de bola.

Fez seis jogos consecutivos como titular e agradou à diretoria e comissão técnica. Recentemente, porém, Adilson foi demitido e deu lugar a Enderson Moreira, que ainda não estreou pelo clube mineiro.

Jhonata Robert - Cruzeiro

Internamente, o meia-atacante de 20 anos ganhou elogios no time mineiro pelo drible rápido e penetração na área para finalizar. Porém, ainda apresenta dificuldades para marcação e participação no jogo.

Jhonata Robert teve quatro jogos como titular e depois entrou em mais três a partir do banco de reservas. Marcou o primeiro gol logo na estreia como profissional, na vitória por 4 a 2 contra o Tupynambás, pelo Campeonato Mineiro.

Léo Chú - Ceará

Uma das promessas do Grêmio, o atacante de 19 anos jogou apenas 24 minutos, na vitória do Ceará contra o Caucaia, pelo Campeonato Cearense. Mas diretoria e comissão técnica têm gostado do garoto pela velocidade, técnica e drible.

Léo Chú ainda recebe lapidações, como em algumas tomadas de decisão no campo. Também começou um trabalho de ganho de massa muscular para melhorar o rendimento.

Lima - Ceará

Velho conhecido do clube - atuou em 2017 e 2019 -, o meia de 23 anos demorou a engrenar na temporada. Foi titular em três jogos e saiu antes do fim em todos. Uma virose também o afastou dos treinamentos por duas semanas. Porém, é visto com bons olhos pela comissão técnica.

Da Silva - Caxias

O centroavante de 21 anos está emprestado ao Caxias até o final do Gauchão. Como o estadual está suspenso por tempo indeterminado, as direções já iniciaram as conversas para prorrogar o vínculo.

Da Silva tem chamado a atenção da comissão técnica por conta da força física e posicionamento de área. Ainda precisa corrigir movimentos ofensivos.



Já atuou seis vezes pelo Caxias: duas de titular e quatro ao sair do banco de reservas. Marcou o gol da classificação à final do primeiro turno do Gauchão. Na sequência, o time seria campeão em cima do Grêmio.


Grêmio, Empréstimo, Atletas, Paralisação, Imortal, Elenco

Grêmio divulga balanço financeiro dos meses de janeiro a março de 2020

Leia também: Grêmio quer fatia de R 120 milhões milhões de parceiros para vender Cebolinha ao Napoli





Comentários



Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar!

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui.

Leia também

28/5/2020



Matheus Henrique e Arthur - 10:03 (0)

Matheus Henrique já superou Arthur no Grêmio?



27/5/2020