[COPA 2014] Mais de 70 campeões mundiais vão motivar a seleção brasileira na busca pelo hexacampeonato

Ex-zagueiro Ronaldão, tetra, recebeu entradas, destinadas aos campeões, para assistir aos jogos


Fonte: R7

Ronaldão foi tetracampeão pelo Brasil
Gazeta Press


A Copa do Mundo de 2014 é considerada estratégica para a CBF, segundo seus dirigentes. Ciente da importância da seleção brasileira conquistar o título mundial em casa, superando o fantasma do Maracanazo em 1950, a cúpula da entidade considera que os campeões pelo Brasil, em mundiais anteriores, terão um papel fundamental no caminho do hexa.

Para tanto, segundo informou ao R7 o ex-zagueiro Ronaldão, tetracampeão mundial em 1994, muitos craques brasileiros que conquistaram a Copa do Mundo estão novamente convocados. Desta vez, para motivar o atual grupo durante a competição no Brasil. Além disso, os 72 campeões terão direito a ingressos para assistirem às partidas da seleção brasileira, das tribunas dos estádios.

Este envolvimento com a Copa do Mundo de 2014 é algo que empolga Ronaldão. Ele mostra entusiasmo pela oportunidade de estar presente nas partidas. Nesta terça-feira (3), o ex-jogador recebeu uma espécie de credencial, segundo informou, que a CBF está fornecendo para todos os campeões mundiais.

— Acabei de receber. Estou muito satisfeito e vou a todos os jogos. Minha expectativa é a melhor possível. Jogaremos em casa em uma Copa do Mundo. O Brasil sempre é favorito, ainda mais em seu território.

Com passagens pelo São Paulo e pelo Flamengo, entre outros, Ronaldão considera que esta Copa do Mundo é um momento histórico para o país. E ele se diz preparado para conversar com o grupo, servindo, ao lado de outros campeões, como um motivador. O ex-zagueiro conta que o técnico Luiz Felipe Scolari já adiantou que os campeões mundiais irão ter uma conversa com o atual grupo.

— Felipão deixou bem claro que vai chamar os jogadores para um contato com quem já teve a experiência de ser campeão pela seleção. Vou com prazer, sei que o grupo está no caminho certo, mas os próprios atletas gostam de conhecer de perto exemplos positivos em situações como esta.

Ronaldão considera que os críticos da seleção brasileira e da Copa do Mundo não representam a opinião do povo.

— A seleção é o topo, a representante máxima do futebol brasileiro. É importantíssima para o país. Será o grande momento de o povo mostrar sua paixão pelo futebol, algo que faz parte da essência do brasileiro. Essa minoria que torce contra, que fique no estúdio fazendo seus comentários, não vai fazer diferença. Os que são contra a Copa ou a seleção não gostam de futebol, e sim de ópera, jazz ou futebol americano.

Para ele, a Copa do Mundo, vai "incendiar" o espírito de integração do país com a seleção brasileira, como em outros tempos.

— A torcida vai estar a favor. Um exemplo gritante da força da torcida ocorreu na Copa das Confederações. Na Copa do Mundo isto vai prevalecer novamente, os torcedores vão incentivar o Brasil o tempo inteiro.



VEJA TAMBÉM
- últimas do Grêmio: Dia de reapresentação, Cristaldo não treina no Huracán e mais
- Grêmio acumula 7 saídas para 2023; veja a lista de jogadores
- Grêmio acerta o empréstimo de lateral esquerdo ao Avaí até o final de 2023





Comentários



Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar!

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui.

Leia também

8/12/2022


















Grêmio volta com caras novas e expectativa por mais reforços - 12:32 (0)

Grêmio volta aos trabalhos nesta quinta-feira com caras novas e expectativa por mais reforços



7/12/2022



















Contratação à caminho??? - 12:52 (0)

Grêmio encaminha acerto com ex-Flamengo