Procuradoria do STJD denuncia Maicon, Renato e Inter por confusões no Gre-Nal 417

Trio de arbitragem também é citado e será julgado em sessão marcada para a sexta-feira


Fonte: Globoesporte.com

Foto: Divulgação
As confusões do Gre-Nal 417, com vitória do Inter por 1 a 0 no Beira-Rio, ainda rendem desdobramentos quase duas semanas após o clássico. A Procuradoria do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) denunciou o capitão do Grêmio, Maicon, e o técnico Renato Portaluppi pelo tumulto no túnel de acesso aos vestiários, ao término da partida. O trio de arbitragem e o Inter também foram citados na denúncia. Todos serão julgados em sessão da 4ª Comissão Disciplinar marcada para a próxima sexta-feira, na sede do STJD, no Rio de Janeiro.

Maicon e Renato foram enquadrados no Artigo 258-B do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD), por "invadir local destinado à equipe de arbitragem, ou o local da partida, prova ou equivalente, durante sua realização, inclusive no intervalo regulamentar". A pena prevista, em caso de punição, é de uma a três partidas de suspensão. A súmula da partida relata ofensas do capitão gremista e uma tentativa de invasão do vestiário pelo treinador.

O Inter, por sua vez, foi denunciado no artigo 206, devido ao atraso de um minuto no início da partida. A pena prevista é de pagamento de multa de até R$ 1 mil. O árbitro Péricles Bassols também foi enquadrado, no artigo 260, por "omitir-se no dever de prevenir ou de coibir violência ou animosidade entre os atletas" e pode pegar gancho de até 80 dias, além do pagamento de multa de R$ 1 mil.

Os auxiliares ainda foram denunciados no artigo 266, por ter deixado de relatar ocorrências disciplinares da partida. A pena prevista é de suspensão de 30 a 360 dias, além de multa de até R$ 1 mil.

Após o apito final, jogadores dos dois times, seguranças e até dirigentes se envolveram em provocações e troca de empurrões que iniciaram no campo e prosseguiram no túnel de acesso aos vestiários. Na sequência, Renato Gaúcho tentou ir ao vestiário colorado, mas foi interpelado por seguranças do Inter, e a troca de empurrões se intensificou. Os ânimos só foram controlados após a entrada das duas equipes nos vestiários.

Comentários



Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar!

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui.

Leia também

13/12/2018




12/12/2018












Despedida de Douglas - 08:39 (7)

Obrigado, Douglas!