Sem Diego Souza, Grêmio terá que mudar característica do ataque; veja opções

Isaque deve ser o titular contra o São Paulo neste sábado, às 21h, no Morumbi


Fonte: Globoesporte.com

O Grêmio não terá Diego Souza neste sábado, às 21h, contra o São Paulo, no Morumbi, pela 17ª rodada do Brasileirão. Expulso na vitória sobre o Botafogo, o centroavante está suspenso na partida. Em negociações com Diego Churín, o Tricolor terá de mudar as características para atacar.



LEIA TAMBÉM: [PRÓXIMO JOGO] Saiba onde assistir, horário e informações de São Paulo x Grêmio


Diego, aliás, foi protagonista no 3 a 1 aplicado pelo Grêmio sobre o rival da Estrela Solitária. Depois de anotar um gol e dar passe para outro no tradicional pivô, o centroavante recebeu o cartão vermelho e virou desfalque para Renato Portaluppi.

Mal havia saído do vestiário após a vitória sobre o Botafogo, o treinador já sabia qual seria a alternativa para o jogo de logo mais. Sem um camisa 9 reserva, o treinador tem em Isaque a alternativa imediata e mais utilizada na posição.

O jovem é meia, mas se adaptou bem com falso nove e já atuou pelo setor seja no time sub-23, seja no próprio Brasileirão. São três gols marcados na temporada.

A alternativa para o garoto tem sido trabalhada nos treinamentos e testada durante as partidas. Luiz Fernando, apesar de acostumado a jogar pelos lados, virou opção também centralizado. No final do Gre-Nal do Brasileiro, por exemplo, atuou por ali, assim como em parte do empate com o Atlético-GO.

Já tenho pensamento na equipe que vai enfrentar o São Paulo, quem vai substituir o Diego. Não tenho a característica, mas paciência. Já sei quem vai jogar. Só temos ele de área. Mas estamos procurando. Não estamos parados. Mas falo pra diretoria, não adianta trazer por trazer. Ou traz pra ajudar, ou não precisa — destaca Renato.

A provável escalação tem Vanderlei; Orejuela (Victor Ferraz), Geromel, Kannemann e Cortez (Diogo Barbosa); Lucas Silva (Robinho), Matheus Henrique e Maicon; Alisson, Pepê e Isaque (Luiz Fernando).

O jovem Fabrício, titular na campanha da Copa São Paulo deste ano, ficou com o time de transição para a estreia no Brasileirão de Aspirantes, neste fim de semana. Da Silva, que já frequentou o elenco principal e esteve emprestado ao Caxias este ano, também ficou com a equipe sub-23.

No mercado, o Grêmio negocia com o argentino Diego Churín, do Cerro Porteño. As conversas estão em andamento, após o nome ser aprovado pela comissão técnica e os valores se enquadrarem nas possibilidades do clube.

Para o setor ofensivo, além de Isaque e Luiz Fernando, também estão em São Paulo os atacantes Everton, Ferreira e Guilherme Azevedo. O meia Thaciano também já jogou na posição.



Na 11ª colocação, o Grêmio tem 20 pontos e tenta pela primeira vez engatar duas vitórias consecutivas na competição.


Grêmio, Ataque, Mudanças, Alternativas, Brasileirão, Imortal

LEIA TAMBÉM: "É jogo de cachorro grande", projeta Paulo Luz sobre próximo adversário do Grêmio na Liberta

E MAIS: Diego Churín desembarca nesta sexta em Porto Alegre, e Grêmio confirma tentativa por Gastón Ramírez





Comentários



Davi Oliveira     

Da Silva e Fabrício são muitos melhores que Diego Churin.

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui.

Leia também

26/10/2020





















25/10/2020