Veja os possíveis cenários para o calendário do futebol brasileiro por conta da pandemia de coronavírus

Paralisação das partidas pode fazer a atual temporada se encerrar apenas em 2021


Fonte: GaúchaZH

Presidente da CBF, Rogério Caboclo, anunciou suspensão do futebol no Brasil por tempo indeterminado Lucas Figueiredo / CBF/Divulgação
O futuro do futebol brasileiro é uma incógnita por conta da pandemia de coronavírus. Com as partidas paralisadas por tempo indeterminado, a temporada já apertada pode ser encerrada apenas em 2021. Como não há previsão de controle da expansão do vírus, ainda não há uma definição sobre quando os jogos serão retomados.



Com base nas decisões tomadas pelas entidades e nas declarações de dirigentes e manifestações de autoridades públicas, GaúchaZH traçou quatro cenários possíveis sobre o futuro do calendário do futebol brasileiro.

Cenário 1: reinício em 15 dias (término em 2020 com Estadual)
A Federação Gaúcha de Futebol (FGF) suspendeu o Gauchão por 15 dias enquanto aguarda como será a expansão do vírus no Estado neste período. Embora seja altamente improvável, segundo a previsão de especialistas, caso a entidade entenda ser seguro retomar o Gauchão em duas semanas, o Estadual reiniciaria no dia 1° de abril, um mês antes da previsão de início do Brasileirão. Nesta hipótese, haveria tempo para a temporada terminar ainda no ano de 2020, embora esta não seja a tendência.

Cenário 2: reinício em maio (término em 2020 — sem Estadual)
O presidente da Conmebol, Alejandro Domínguez, afirmou nesta terça que pretende dar reinício à Libertadores no início de maio. Como a Copa América 2020 foi adiada para 2021, os jogos atrasados da competição seriam disputados nas datas que estavam reservadas para o torneio entre seleções.

Porém, a projeção do mandatário da entidade máxima do futebol sul-americano ainda é bastante otimista. Afinal, nenhuma autoridade de saúde projetou uma melhora na situação do coronavírus no continente até esta data.

Ainda assim, nesta hipótese, haveria tempo para o Brasileirão terminar em 2020. Não haveria, no entanto, como concluir o Gauchão. Caberia aos clubes definir se o Caxias, campeão do primeiro turno, seria declarado campeão gaúcho ou se o título ficaria vago. A outra alternativa neste cenário seria empurrar a temporada 2020 até o começo de 2021.

Cenário 3: reinício ao final de julho (término em 2021)
Na semana passada, o Ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, declarou que o Brasil passaria por "20 semanas duras". Nesta terça, o chefe da pasta disse que o país viveria um "período de estresse pelos próximos 60 ou 90 dias". Se as autoridades, entidades e clubes entenderem que há condições para o futebol ser retomado após este período, a temporada seria retomada ao final de julho. Não haveria datas para os campeonatos terminarem neste ano, com os jogos finais sendo sendo realizados no início de 2021.



Cenário 4: reinício a partir de agosto (calendário europeu)
O Ministro da Saúde projetou também, em entrevista coletiva nesta terça, a possibilidade de o país voltar à vida normal apenas em agosto ou setembro. Neste cenário, o Brasil teria que adotar o calendário europeu, com o Brasileirão se iniciando no segundo semestre e terminando ao final do primeiro semestre de 2021. Depois, a CBF e os clubes teriam que discutir maneiras de readequar o calendário para os anos seguintes.

Situação de cada competição

Gauchão
Suspenso — 7 rodadas restantes

Copa do Brasil
Paralisada — 10 rodadas restantes

Libertadores
Paralisada — 11 rodadas restantes

Sul-Americana
Paralisada — 9 rodadas restantes

Brasileirão
Previsto para iniciar em maio — 38 rodadas

Grêmio, Possíveis, Cenários, Calendário, Futebol, Brasileiro


PALMEIRAS CAMPEÃO MUNDIAL? SÃO PAULO CAMPEÃO DA COPA DO BRASIL? PALPITES PARA O ANO DE 2020

VEJA: Clique aqui e veja as promoções que a Network BG preparou para você acompanhar todos os jogos da temporada

LEIA TAMBÉM: Gauchão deve ser retomado e pode ser disputado com o Brasileirão em andamento; entenda

Clique aqui e confira séries, comentários, filmes e tudo sobre futebol! Teste agora!<\a>



Comentários




Leia também

2/4/2020





1/4/2020