Presidente do Grêmio não deve interferir nos cargos de Brum e Vivian.


Fonte: -

Presidente do Grêmio não deve interferir nos cargos de Brum e Vivian.

Presidente do Grêmio tenta neutralizar pressão nos bastidores Apesar das cobranças internas e da pressão externa, o presidente do Grêmio, Alberto Guerra, e seus vice-presidentes decidiram dar respaldo ao técnico Renato Portaluppi, ao vice de futebol Antonio Brum e ao executivo Luis Vagner Vivian. A direção avalia que eventuais trocas agora serviriam apenas para dar uma “resposta” à torcida, mas prejudicariam o trabalho do time e o processo de contratações . Após a derrota por 3 a 0 para o Juventude, no Estádio Alfredo Jaconi, no domingo (7), Renato ensaiou um discurso deixando a direção à vontade para substituí-lo, mas foi interrompido por Guerra. Uma saída do treinador está descartada pela direção. Ainda, a diretoria gremista acredita que não há no mercado outro treinador com mais capacidade de tirar o Imortal desta situação do que Renato. Confiam em uma melhora do time, especialmente com o retorno de Jemerson, Soteldo e Diego Costa, e com novas contratações para o setor ofensivo.

Grêmio Antônio Brum Alberto Guerra
Imagem: Lucas Uebel/ Grêmio Presidente do Grêmio tenta neutralizar pressão nos bastidores

Resumão da coletiva: Renato Portaluppi pede demissão, dirigentes calados e goleiro definido O departamento de futebol, no entanto, enfrenta cobranças. Na segunda-feira (8), haverá uma reunião do Conselho Deliberativo tricolor, onde Antonio Brum e Luis Vagner Vivian deverão explicar o mau momento do futebol e responder a questionamentos. Internamente, Brum é visto como um bom conhecedor do mercado e peça-chave nas contratações, enquanto Vivian é elogiado pelas suas relações com atletas e dirigentes e por seu trabalho administrativo. O Tricolor Gaúcho avalia que demitir Brum e Vivian seria apenas uma resposta política sem benefícios práticos, prejudicando o processo de contratações em andamento. Até a próxima quarta-feira (10), quando o Grêmio enfrenta o Cruzeiro, a direção mantém sua confiança nos atuais dirigentes.



VEJA TAMBÉM
- Grêmio não tem marcação: Reinaldo e Pepê precisam sair já
- Grêmio terá limite excedido de estrangeiros para competições nacionais.
- Grêmio gasta R 50 milhões de reais: nenhum volante marcador






Comentários



Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar!

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui.

Leia também

19/7/2024



















18/7/2024