Corinthians mantém Renato no cargo apesar do desejo da direção.


Fonte: -

Corinthians mantém Renato no cargo apesar do desejo da direção.

Colegas da imprensa paulista informam que a diretoria do Corinthians estava atenta a situação do Renato: se ele caísse após o jogo contra o Juventude, iriam levá-lo para Itaquera. Como não aconteceu, o Timão foi no Ramón Diaz, ex-Vasco, para ser seu treinador. Renato não vai cair (não neste momento). O motivo é que o presidente Guerra entende que ele é o cara mais indicado para tirar o Grêmio dessa situação. Não há outro treinador disponível que performe melhor que ele, no momento. Outra, o entendimento da direção é que o problema gremista está muito mais nos jogadores do que na capacidade do Renato. Se tivesse outro comandante, estaria passando o mesmo sofrimento. Quando falo jogadores, é em todo o contexto. Foi a lesão do Diego Costa e o fato de não ter centroavante reserva, as convocações do Villa e Soteldo, passando até pelos reforços que ainda não puderam jogar, como o Jemerson. Por fim, Guerra acredita que, conseguindo trazer reforços nesta janela, o Grêmio vai melhorar. Renato fará isso e voltará a ser elogiado como sempre foi. Então, o foco gremista está muito mais em contratar rápido do que necessariamente demitir seu atual treinador. Foi justamente por isso que Renato começou a falar em saída e foi rapidamente brecado pelo mandatário, na fatídica conversa que aconteceu no vestiário do Jaconi.



VEJA TAMBÉM
- Grêmio não tem marcação: Reinaldo e Pepê precisam sair já
- Grêmio terá limite excedido de estrangeiros para competições nacionais.
- Grêmio gasta R 50 milhões de reais: nenhum volante marcador






Comentários



Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar!

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui.

Leia também

19/7/2024

















18/7/2024