Comissão da CBF reconhece erro do VAR em pênalti não marcado para o Grêmio contra o Corinthians

Comissão da CBF reconhece erro do VAR em pênalti não marcado para o Grêmio contra o Corinthians

Em áudios, árbitro de vídeo Emerson de Almeida Ferreira diz que Yuri Alberto está "recolhendo o braço" e não sugere ao árbitro Wilton Pereira Sampaio a checagem do lance


Fonte: ge

Comissão da CBF reconhece erro do VAR em pênalti não marcado para o Grêmio contra o Corinthians

A Comissão de Arbitragem da CBF reconheceu que houve erro dos árbitros ao não darem pênalti para o Grêmio, contra o Corinthians , nos acréscimos do empate por 4 a 4 entre as equipes , na noite da última segunda-feira, na Neo Química Arena, em jogo adiado da 15ª rodada do Brasileirão.

Veja a análise do VAR para lance de Yuri Alberto em Corinthians 4 x 4 Grêmio

Em vídeo publicado no site da entidade na manhã desta terça-feira, Péricles Bassols, gerente técnico do VAR, analisou assim antes de mostrar a comunicação entre os árbitros de vídeo e de campo:

– Aos 49 minutos da segunda etapa, o atleta número 9 da equipe de branco e preto, em ação de bloqueio, com o braço em posição antinatural e aumentando seu espaço corporal, intercepta um cruzamento à área. O bloqueio da bola com o braço nesta ação caracteriza a infração de pênalti, portanto uma penalidade deveria ser marcada no campo de jogo. E quando não marcada, o VAR deveria recomendar revisão para tal ação.

Leia também: + Grêmio vai reclamar na CBF por pênalti não marcado + Diretoria do Grêmio considera "vergonhoso" o erro + Luan, ex-Corinthians, bateria pênalti em Itaquera

Bola bate no braço de Yuri Alberto, do Corinthians, após cruzamento de Ferreira, do Grêmio — Foto: Reprodução

Bola bate no braço de Yuri Alberto, do Corinthians, após cruzamento de Ferreira, do Grêmio — Foto: Reprodução

Nos áudios, é possível notar, após análise de diversos ângulos do lance, que Yuri Alberto intercepta com o braço direito o cruzamento de Ferreira, mas o árbitro de vídeo Emerson de Almeida Ferreira (MG) considera que o jogador do Corinthians está "recolhendo o braço":

– O jogador mesmo estando nessa posição, acho que ele está natural para essa disputa de bola, para defesa, não está com a intenção de bloquear. Para mim ele não está com a intenção de bloquear, ele está com a intenção de disputar a bola. É diferente de bloqueio. Ele está recolhendo o braço. Ele não está indo com o braço na direção da bola. Ele está recolhendo. Wilton, lance checado, ok. Pode jogar, o jogador está recolhendo o braço, está em posição de disputa e a bola vai na direção do seu braço.

Wilton Pereira Sampaio, árbitro em Corinthians 4x4 Grêmio — Foto: Marcos Ribolli

Wilton Pereira Sampaio, árbitro em Corinthians 4x4 Grêmio — Foto: Marcos Ribolli

Durante a análise de Emerson de Almeida Ferreira, o assistente de VAR Michel Patrick Costa Guimarães questiona o colega, mas Emerson mantém a posição.

– Você não acha que está muito aberto, não? Que essa bola passaria se ela não bate no braço? – perguntou o assistente de VAR.

Logo após a partida, dirigentes, jogadores e o técnico do Grêmio, Renato Gaúcho, protestaram contra a decisão da arbitragem de não marcar a penalidade. O treinador do Tricolor, inclusive, disse que Luan, ex-Timão e com passagem conturbada pelo clube, bateria a penalidade se marcada.

+ Veja a tabela do Brasileirão

Assista aos melhores momentos da partida:

Corinthians 4 x 4 Grêmio - Melhores momentos - 15ª rodada do Brasileirão 2023



VEJA TAMBÉM
- SUBSTITUTO? Segundo jornalista, artilheiro argentino foi oferecido e agradou ao Grêmio
- Renato busca por equilíbrio no Grêmio para ter time mais intenso e menos exposto no Gre-Nal
- Grêmio contará com Renato e Reinaldo para o Gre-Nal após conseguir adiar julgamento





Comentários



Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar!

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui.

Leia também

4/10/2023