Entenda a confusão dos nomes dos guris do Grêmio na Copinha

Com duas vitórias e uma derrota, o Grêmio avançou para a próxima fase da Copinha, mas gerou confusão para quem acompanhou as partidas do Grupo 10


Fonte: Globoesporte.com

Foto: Bruno Creste/Divulgação Grêmio
Além do bom futebol que vem consagrando as categorias de base, o Grêmio chamou a atenção nesta primeira fase da Copinha por outra circunstância: a semelhança nos nomes dos jogadores. Kauan Kelvin, Kevin, Gustavo Marins e Gustavo Martins são só alguns dos que geraram confusões nestes primeiros jogos.



A Copa São Paulo de Futebol Júnior é historicamente conhecida por revelar jovens para o futebol brasileiro, mas também por seus nomes e apelidos curiosos que aparecem todo ano. Não para menos, já que são 128 clubes que participam da competição e mais de 3 mil jogadores.


Classificado para a próxima fase, o Grêmio notabilizou-se não só pelo futebol demonstrado em campo, mas pelos nomes dos seus jogadores. Dos 11 titulares, sete tem ao menos alguma semelhança.

Gustavo Marins e Gustavo Martins (dupla de zaga)

Cuiabano (lateral-esquerdo) e Pedro Cuiabá (volante)

Lucas Kawan (lateral-direito), Kauan Kelvin (atacante) e Kevin (atacante)


Os dois zagueiros são fáceis de confundir, já que têm o mesmo nome e o sobrenome com só uma letra diferente. Mas o importante é que no campo os colegas não se atrapalham. Para isso, fazem valer os apelidos.


Depois da vitória contra o Mixto por 2 a 0, na estreia do time na Copinha, o atacante Zinho revelou que Gustavo Marins é chamado de Japa e, Martins, de Carioca. No jogo seguinte, foi a vez da dupla de zaga titular explicar a situação.


"Eu já falei para ele trocar de nome, mas não quis!", brincou Marins, capitão da equipe.


Zinho, aliás, não tem nenhuma ligação com o ex-meia do Grêmio campeão da Copa do Brasil de 2001. O Zinho da Copinha é apenas um apelido tirado do próprio nome. Luis Henrique era chamado de Luizinho, que depois se transformou em Zinho.


Outro atleta com explicação curiosa é o volante Pedro Cuiabá, que pode ser confundido com o lateral Cuiabano. Apesar do apelido, ele não é natural da capital de Mato Grosso. José Artur Pedro da Silva, na verdade, é natural de Branquinhas, município de Alagoas. Quando ainda novo, porém, foi morar em Cuiabá.


O lateral-direito Lucas Kawan e o atacante Kauan Kelvin possuem a mesma sonoridade em seus nomes, apesar da grafia diferente. Os dois têm sido os principais destaques do Grêmio até o momento. Kelvin é o artilheiro da equipe com dois gols e faz parceria com seu quase xará Kevin.


Kevin é o centroavante colombiano do Grêmio. Foi contratado pelo clube em novembro de 2020, após completar 18 anos. No final de 2019, entretanto, já havia passado por um período de testes em Porto Alegre, quando disputou a Copa Santiago Sub-17. Kevin Stiven Quejada Lasso é natural de Cali.



O Grêmio perdeu para o XV de Jaú na última rodada do Grupo 10 na primeira fase da competição. Mas mesmo com a derrota, o Tricolor garantiu a primeira colocação, avançou para a segunda fase e vai pegar o Santa Cruz, ainda sem data e horário definidos.

#gremio #imortal #tricolor #copinha #confusao #nomes

VEJA TAMBÉM
- Patrick deixa Grêmio para acertar com clube de Lincoln em Portugal
- Grêmio irá pagar Douglas Costa até 2026
- Com pacto para manter a forma física ideal, Diego Souza busca feito inédito no Gauchão

LEIA TAMBÉM: Com preparação especial para manter a forma física ideal, Diego Souza busca feito inédito no Gauchão

E MAIS: Sem sucesso na busca por adversário, Grêmio descarta realizar amistoso na pré-temporada



E MAIS: DIEGO COSTA FECHOU? TATY NO VERDAO? LEILA EM CRISE; ISCO NO FLA? ARRASCAETA; IVAN E +2 NO TIMAO;


Comentários



Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar!

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui.

Leia também

23/1/2022



Dívida milionária! - 18:32 (0)

Grêmio irá pagar Douglas Costa até 2026

















22/1/2022