Felipão aciona o Cruzeiro na Justiça para cobrar salários atrasados

Hoje no Grêmio, técnico comandou a Raposa por pouco mais de três meses entre 2020 e 2021


Fonte: globoesporte.com

Hoje técnico do Grêmio, Luiz Felipe Scolari entrou na Justiça do Trabalho para cobrar salários atrasados da época em que comandou o Cruzeiro. Felipão foi treinador da Raposa por pouco mais de três meses, entre outubro de 2020 e janeiro de 2021.

Aliás, o fato de não ter previsão para pagamento de salários atrasados foi um dos motivos para que Felipão acertasse a saída em comum acordo. Por esse motivo, a multa de R$ 10 milhões não precisou ser paga, pois a saída partiu inicialmente do treinador.



Scolari tinha contrato com o Cruzeiro até o fim de 2022. O técnico chegou com o objetivo principal de manter o time na Série B e cumpriu a missão. O acesso, porém, não ocorreu.

Foram 21 partidas, com nove vitórias, oito empates e quatro derrotas. Quando assumiu, a equipe ocupava a 19ª colocação e terminou a competição no 11º lugar.



Depois da passagem pelo Cruzeiro, Felipão só voltou a atividade agora, ao chegar para comandar o Grêmio em julho deste ano, com contrato até dezembro de 2022. Scolari tem a missão de salvar o Tricolor do rebaixamento à Série B – o time está em 19º, com sete pontos.

Felipão, Cruzeiro, Dívida

LEIA TAMBÉM: Pela primeira vez, Felipão deve repetir escalação no Campeonato Brasileiro

E MAIS: Vanderson é punido pelo STJD, mas não será desfalque do Grêmio no Brasileirão




Comentários



Luis Rogerio     

LOGO MAIS , SE A GENTE AFUNDAR, ESTARA PROCESANDO O GREMIIO

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui.

Leia também

24/9/2021

















23/9/2021






Opinião!! - 15:20 (0)

Coincidências dos 10