Grêmio confirma negociação avançada por Borja e mira outro reforço a curto prazo

Dirigente evita citar nomes, mas Tricolor tem um acerto com Borja, do Palmeiras


Fonte: Globoesporte.com

Foto: Cesar Greco
O diretor executivo do Grêmio, Diego Cerri, afirmou após a derrota para o Bragantino que o clube tem negociações adiantadas para contratar um atacante. Trata-se do colombiano Miguel Borja, do Palmeiras, embora o dirigente não tenha citado o nome do jogador. O clube busca ainda outro nome a curto prazo para reforçar o elenco de Felipão, mas diz que a pressão por resultados não vai acelerar as movimentações no mercado.



Conforme noticiado pelo ge, o Grêmio já tem um acerto com Borja e com o Palmeiras para contratar o atacante colombiano por empréstimo até o final de 2022. O clube gaúcho vai pagar cerca de R$ 6 milhões ao clube paulista e arcar integralmente com os salários do jogador. O anúncio deve ocorrer nos próximos dias.


"De fato, estamos no mercado para reforçar a equipe, dissemos que vamos trabalhar um ou dois nomes a curto prazo e estamos adiantados com a situação de um atacante. Em relação a nome, não posso dizer, atrapalha a negociação, não tem nada assinado ainda, mas é uma satisfação para o torcedor, sabendo que estamos trabalhando rápido e o momento do mercado é muito difícil. Não estamos contratando qualquer jogador, temos que trazer qualidade para nos ajudar neste momento, que é difícil", afirmou Cerri.


O dirigente afirmou que a pressão por resultados não vai acelerar as movimentações do clube no mercado e falou em "equilíbrio". O objetivo é não errar nas contratações. O clube está disposto a investir em jogadores que cheguem prontos para jogar e ajudar o time a sair do atoleiro da penúltima colocação do Brasileirão. Além de um atacante, um meia também é prioridade.


"Na verdade, quando falamos em mercado escasso, não é para dar satisfação. Nem por falta de dinheiro não estamos contratando. A questão é que temos tentado solucionar os problemas com lucidez, com pressão, mas sem tomar decisões equivocadas. Equilíbrio é a palavra chave. O grupo de jogaodres é comprometido, quem assistiu (ao jogo) pode ver que não faltou esforço, empenho. Temos que melhorar a cada jogo, trazer algumas peças, todo um planejamento. Mas, repito: no momento de crise, equilibrio é fundamental", destacou.


O executivo também confirmou as negociações para as vendas de Matheus Henrique e Ruan, com o Sassuolo, da Itália. O volante deve se apresentar ao clube italiano tão logo encerre sua participação nos Jogos Olímpicos de Tóquio, enquanto o zagueiro fica na Arena até 2022. O zagueiro Rodrigues é outro que interessa ao futebol dinamarquês e deve sair.


Questionado se além de um atacante e um meia, mais reforços podem chegar, o executivo afirmou que considera também como reforços os jogadores que estão no departamento médico e podem se juntar ao elenco em breve. Contra o Bragantino, foram vários desfalques. Kannemann, Rafinha, Maicon, Douglas Costa, Ferreira e Diego Souza, para citar alguns.



"Neste momento ruim, ninguém serve, ninguém tem qualidade... Mas as coisas não são assim, temos pessoas dentro e fora do campo, atletas de nível e qualidade, recuperando uma confiança, tem um grupo um pouco prejudicado, embora goste de enaltecer quem está presente, mas temos jogadores em fase final de recuperação no departamento médico, uma situação atípica que tivemos muitas lesões ao mesmo tempo, um time inteiro fora de campo. Isso é reforço, ter o retorno gradativo, é reforço também para a nossa equipe", concluiu.

#gremio #imortal #tricolor #borja #atacante #reforcos

LEIA TAMBÉM: Vanderson será julgado no STJD por expulsão na Copa do Brasil

E MAIS: Gabriel Chapecó fala sobre parceria com Brenno fora de campo e escalada até a titularidade




Comentários



Mais um refugo bichado,éssa diretoria vai entrar pra história,o unico clube com superávit financeiro, e pior time da serie A.

Roberto Puglia     

Se nao trouxerem um jogador de alto nivel para o meio campo, armador, nao adianta o Borja. Melhora, pois pior que está nao fica. Olhem pro mercado argentino. Repleto de bons armadores seus incompetentes

A hora que acabar o campeonato eles contratam jogadores, com essa lijeireza vai seis meses pra vir alguém e ai dizem que o gremio fechou com um superavit de tanto, de que adianta, der uma tartaruga pra cuidar deixam escapar

Moacir Iva     

Você fala que vai trabalhar um ou dois nomes pra contratar no curto prazo. Tenho comigo que esse curto prazo já passou.

Irceu Cignachi     

Muitos colorados comentando na página do clube mais sólido do Brasil. Essa má fase passa em 30 dias.

Nilmo Ulguim     

Se o Borja, recuar ao meio campo, desarmar o adverssario, entrar na area, cruzar para ele mesmo, talvez consiga fazer gol. NAO TEMOS MEIO CAMPO, NAO HÁ UM ESQUEMA DE JOGO DEFINIDO, MEIO CAMPO NAO CRIA, NAO PRESSIONA, SÓ RECUA BOLA

Concordo,se não acelerar pra tirar o time dessa situação vai ficar com uma folha salarial muito alta pra disputar a segundona

Acelerar os clubes ja estão com seus times prontos a muito tempo e o Grêmio ainda busca jogadores sem nenhuma convicção

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui.

Leia também

23/9/2021



Opinião!! - 15:20 (0)

Coincidências dos 10














22/9/2021