Guilherme Azevedo lembra morte da avó e homenageia pai com covid


Fonte: Uol Esportes

Imagem: EVERTON SILVEIRA/FUTURA PRESS/FUTURA PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO
Autor de um dos gols do Grêmio na vitória por 3 a 0 sobre o Santa Cruz-RS na conquista do título da Recopa Gaúcha, o meia-atacante Guilherme Azevedo fez duas homenagens. Numa camisa, para a avó, que morreu há um mês. Nas palavras, ao pai, que sofre com covid-19.



"Estou muito feliz pelo título, entra para história do Grêmio, feliz pelo gol. Queria dedicar ao meu pai (Natalino) que está com covid. Confio muito em Deus, vai dar tudo certo", disse Guilherme na saída de campo.


Quando marcou, o jogador ergueu a camisa do Grêmio e mostrou a que usava por baixo, com rosto da avó, Derci. Emocionado, ele também lembrou dela após o jogo.


"Perdi minha avó faz um mês. Lá de cima ela está feliz pelo gol. Estou muito emocionado. Ela cuidou de mim desde pequeno. Fico feliz de fazer esta homenagem", completou.



Na hora de erguer a taça, os jogadores do Grêmio deram a braçadeira de capitão para Guilherme Azevedo, que comemorou junto com Geromel, que ficou no banco, o massagista Zezinho, e os demais colegas.

#gremio #imortal #tricolor #guilhermeazevedo #atacante

LEIA TAMBÉM: Tiago Nunes pede calma com Douglas Costa e diz que meia-atacante ainda não está no ritmo ideal

Saudades do CR7? Estreia frustrada de Douglas Costa rende memes na web




Comentários



Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar!

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui.

Leia também

19/6/2021









18/6/2021