Negociação, desgaste e fase: os motivos para a seca de gols de Pepê no Grêmio


Fonte: GZH

Foto: Amanda Perobelli
O Grêmio que chega na reta final da temporada classificado para a decisão da Copa do Brasil e ainda na briga pelo título do Campeonato Brasileiro tem o desafio de recuperar um dos seus principais jogadores. Vice-artilheiro gremista em 2020, Pepê vive uma seca de gols. O atacante de 23 anos não marcou nenhum gol com bola rolando nos últimos 12 jogos. A única vez que balançou as redes no período foi de pênalti, no empate com o Sport, pelo Brasileirão, em 19 de dezembro.

Pepê ganhou o status de titular do Tricolor no começo do Campeonato Brasileiro, em agosto, depois que Everton teve a venda para o Benfica acertada e se despediu do clube no Gre-Nal que decidiu o segundo turno do Gauchão. O início como dono da extrema esquerda foi bastante promissor. O camisa 25 balançou as redes oito vezes e deu três assistências nos primeiros 15 jogos não dando motivos para a torcida sentir saudade de Cebolinha.

Os números gerais de Pepê na temporada ainda são bons. Ele anotou 14 gols e só aparece atrás de Diego Souza, com 23, na lista de artilheiros do Grêmio. O garoto também deu oito assistências, totalizando 22 participações diretas nos gols gremistas.

Nesse recorte de 12 jogos com apenas um gol marcado de pênalti também tem uma queda nas assistências de Pepê para os companheiros. Ele deu apenas um passe que terminou em gol - para Pinares na goleada sobre o Vasco da Gama, no começo do mês passado. O último gol com bola rolando foi diante do Guaraní, no Paraguai, pela Libertadores, em 26 de novembro.

Levando em conta as 12 partidas anteriores, os números de Pepê foram de três gols e quatro assistências. A queda de rendimento também fica comprovada nas notas dadas na Cotação GZH. Nos últimos 12 jogos, a média de Pepê foi de 5,87 contra 6,37 nos 12 compromissos anteriores.

Isso acontece justo no momento em que o interesse do Porto-POR em Pepê voltou a ser noticiado. Ex-jogador do Grêmio e atualmente comentarista do SporTV, Grafite ressalta que é normal que a possibilidade de uma transferência afete o desempenho de um jogador, principalmente quando se trata de um jovem.

— O Pepê é um menino e não tem a experiência de um jogador rodado. É normal influenciar porque o jogador vai criando expectativa de jogar na Europa, de disputar a Liga dos Campeões, o que é o sonho de todo jovem. Mas o Renato sabe trabalhar bem isso com o jogador. O Pepê é novo, tem muito a aprender — disse Grafite.

Multicampeão pelo Grêmio nos anos 1990, Paulo Nunes relata sua experiência antes deixar o clube, em 1997. Ele admitiu que teve seu desempenho afetado na época antes de ter definida sua transferência para o Benfica-POR.

— O atleta precisa muito estar concentrado. O trabalho mental de um jogo é mais importante até que o físico em alguns momentos. Quando isso não se resolve, o jogador fica ansioso, tem dificuldade para dormir, para pensar. Não apenas para o Pepê, isso é natural para qualquer atleta. Já passei por isso. É ruim para o atleta. Mas ele é um jogador muito bom, de muita personalidade, criativo. Eu confio que ele irá se recuperar e voltar a ser aquele Pepê que a gente conhece — avaliou o ex-atacante que também é comentarista do SporTV.

A preocupação com a situação foi admitida pelo técnico Renato Portaluppi após o empate com o Fortaleza, no sábado. O treinador contou que procurou o garoto e pediu para ele ter calma.

— Dei conselhos, ele (Pepê) concordou. É um papo particular meu e dele. Sempre aconselho jogadores mais jovens. Falei para ele ter calma. Temos duas competições importantes. Depois, se chegarem propostas, ele senta com o empresário e se acerta. Não custa esperar mais dois meses, até porque nos estamos disputando dois títulos — revelou.

Mesmo que o Grêmio mantenha a ideia de segurar Pepê nesta janela de transferências para que ele dispute a fase final do Brasileirão e a decisão da Copa do Brasil, a imprensa portuguesa informa que o Porto irá insistir para fechar a a negociação ainda neste mês de janeiro. O Zenit, da Rússia, também aparece como interessado no atacante gremista.

SEQUÊNCIA DE 31 JOGOS

Quando entrar no gramado da Arena Palmeiras na sexta-feira para encarar o time de Abel Ferreira pela 30ª rodada do Brasileirão, Pepê irá completar sua participação no 32º jogo seguido do Grêmio. O atacante ficou fora de uma partida do Tricolor pela última vez em 20 de setembro, justamente contra o Palmeiras, pelo primeiro turno do Campeonato Brasileiro.

Ele voltou no Gre-Nal do returno da Libertadores, no Beira-Rio, e marcou o gol que garantiu a vitória do Grêmio por 1 a 0. Desde então, o Tricolor teve 31 partidas por três competições diferentes, Brasileirão, Copa do Brasil e Libertadores e em todas contou com Pepê. Ele foi titular 28 desses jogos tendo atuado os 90 minutos em 15 deles. Essa sequência iniciou após Pepê ter parado por 20 dias, período no qual desfalcou o Grêmio em cinco partidas por ter sentido dores musculares na coxa esquerda.

— A temporada brasileira é muito desgastante. Isso também dificulta para manter o nível alto o tempo todo. Mesmo quando o Renato poupa jogadores, como foi contra o Fortaleza, o Pepê está em campo. O Renato pode estar confiando em recuperar o melhor Pepê com ele jogando — avalia Grafite.

Ainda que não seja o jogador gremista com mais jogos no ano (Vanderlei tem 52 contra 48 de Pepê) e nem o jogador de linha com mais minutos jogados (Matheus Henrique tem 3.805 e Pepê 3.476), nenhum outro atleta do elenco está há tanto tempo atuando de forma ininterrupta. A sequência de Pepê de 31 jogos também é a maior de um jogador do Grêmio no geral da temporada.









Grêmio, Má Fase, Pepê

LEIA TAMBÉM: [COMENTE] Para você, o Grêmio deve negociar a saída do atacante Pepê?

LEIA TAMBÉM: Jean Pyerre é flagrado em festa e vídeo viraliza; clube se manifesta





Comentários



Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar!

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui.

Leia também

27/1/2021














26/1/2021