Diogo Olivier: Douglas é mais importante para o Grêmio do que parece


Fonte: Diário Gaúcho

Foto: Lauro Alves / Agencia RBS

Tudo ia bem até o intervalo, com Douglas. O rendimento, apesar dos jogadores preservados, mantinha padrão dos titulares em certa medida. Yuri abria espaços na frente para Douglas, Everton e Giuliano. O gol de Felipe Bastos veio numa ótima ação das promessas da base a partir da esquerda, com Júnior e Everton, resultando no chute de Fellipe Bastos.

O problema foi a saída de Douglas e o ingresso de Maicon como meia central. Não funcionou. O Grêmio perdeu a posse de bola e, pior, a lucidez. Felipão tentou consertar o erro com Lincoln, recuando Maicon para o seu lugar, mas aí a agressividade do trio de atacantes Danrley, Collazo e Jô, com Carrilho mais atrás, fez o São José superior.

O empate em 1 a 1 no Cristo Rei mostrou que Douglas é mais importante para o Grêmio do que parece.

O culpado de sempre

Quando critica, apanha. Quando elogia, idem. Felipão creditou parte do resultado a uma eventual soberba dos mais jovens, esta provocada por reportagens positivas publicadas sobre eles. Claro que o recado é para Yuri Mamute. Quem foi enaltecido nos últimos dias, senão ele?

São largas as costas da imprensa. Faltou dizer que o Grêmio se defendeu menos do que vinha defendendo, sobretudo os da linha de três do meio. É injusto culpar um ou dois. O time todo não foi tão bem. Mas é mais fácil colocar a culpa nos guris e se irritar só com eles.

LEIA TAMBÉM: Pela primeira vez, Felipão deve repetir escalação no Campeonato Brasileiro

E MAIS: Vanderson é punido pelo STJD, mas não será desfalque do Grêmio no Brasileirão




Comentários



Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar!

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui.

Leia também

24/9/2021

















23/9/2021






Opinião!! - 15:20 (0)

Coincidências dos 10