Grêmio estende vínculo de Pepê até o final de 2024 e atribui multa quase bilionária; confira


Fonte: UOL Esporte

Foto: Reprodução / Grêmio
O Grêmio renovou contrato de Pepê, meia-atacante, até dezembro de 2024. As tratativas para ampliação do vínculo começaram antes da pandemia e foram concluídas hoje.A multa rescisória para clubes do exterior foi fixada em 150 milhões de euros (R$ 938,9 milhões na cotação atual).



LEIA TAMBÉM: Luciano admite que ainda não "engoliu" gol perdido em Gre-Nal da Libertadores


Segundo apurou o UOL Esporte, a divisão dos direitos econômicos de Pepê segue igual: Grêmio com 70% e o restante com o Foz do Iguaçu.

Aos 23 anos, Pepê está em Porto Alegre desde 2016. Neste ano, já foi sondado pelo PSV, da Holanda, logo após voltar do pré-olímpico na Colômbia.



O antigo contrato do jogador com o Grêmio ia até a metade de 2022 e tinha multa rescisória de 50 milhões de euros. Além de ampliar o documento, o jogador ganhou aumento.


Grêmio, Pepê, Contrato, Renovação, Bilhão, Imortal

Grêmio se afunda ainda mais em noite terrível no Chile e sente clamor por mudanças

Grêmio é recebido com protesto na Arena após derrota na Libertadores





Comentários



Volmir Lamb     

O que adianta colocar a multa nesse valor se depois vende por 30.

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui.

Leia também

17/9/2020

















16/9/2020
















Enxurrada de desfalques - 11:34 (1)

Renato estuda mudar Grêmio em era pós-Cebolinha