Grêmio "decola", mas se frustra em quedas: a retrospectiva do Tricolor em 2019

Equipe comandada por Renato Gaúcho teve bom primeiro semestre, mas caiu nas semifinais da Copa do Brasil e Libertadores


Fonte: Globo Esporte

Foto: Lucas Uebel/Divulgação Grêmio
Bicampeão gaúcho invicto, com direito a recorde defensivo e um ano de luxo para Everton Cebolinha. Por outro lado, eliminações nas semifinais da Copa do Brasil e da Libertadores, além da quarta colocação no Brasileirão. O ano do Grêmio foi marcado por altos, quase conquistas importantes, mas quedas pra lá de doloridas.



LEIA TAMBÉM:Atlético-MG monitora situação de volante Allan e tenta vencer concorrência para ter reforço


A temporada também teve mudança de ciclos. Negociado com o Corinthians, Luan deixou o Tricolor, enquanto André e Tardelli também não devem seguir no clube. Em contrapartida, Renato Gaúcho estendeu vínculo para o quinto ano e já tem uma nova leva de garotos promissores para projetar 2020.

Após o Gauchão, no entanto, o Grêmio viveu momentos complicados. Renato demorou a engrenar a equipe no Brasileirão e chegou a flertar com a zona do rebaixamento nas primeiras rodadas. Na Libertadores, sofreu para se garantir nas oitavas de final com a segunda posição em seu grupo.

Só que Renato Gaúcho jamais perdeu a confiança. A todo momento, dizia que o time iria decolar. Depois de encerrar o primeiro turno com somente a oitava melhor campanha, o Tricolor elevou o rendimento no returno e se garantiu no G-4 do Campeonato Brasileiro com sobras.

É inevitável falar do ano do Grêmio e de Everton Cebolinha. O atacante de 23 anos viveu sua melhor temporada da carreira, conquistando o Gauchão pelo Tricolor e mais a Copa América pela Seleção. Pela sexta temporada consecutiva, Everton superou sua marca de gols no ano. Anotou 20 pelo Grêmio em 57 jogos.



Ainda se tornou sensação no país inteiro pela Seleção. Ocupou a posição de Neymar, lesionado, e fez três gols na Copa América - um deles na final contra o Peru, quando foi o eleito o craque da partida. Terminou como um dos artilheiros da competição.

O sonho do hexa da Copa do Brasil para o Grêmio acabou de forma frustrante. Após vencer o jogo de ida por 2 a 0 na Arena, teve atuação apática e viu o Athletico devolver o resultado na grama sintética da Arena da Baixada.



Se os gremistas ainda estão remoendo a queda na Copa do Brasil, o que dizer da eliminação na Libertadores? Antes do confronto com o Flamengo, todos debatiam a respeito do melhor futebol do país.

No jogo de ida, as duas equipes empataram em 1 a 1 na Arena. O Fla saiu na frente com Bruno Henrique, mas viu Pepê dar um suspiro de alívio no final da partida. Só que no Maracanã nem deu tempo de respirar. Quando percebeu, o Grêmio estava sendo goleado por 5 a 0 e dava adeus à chance do tetra da Libertadores. Deu tudo errado para o Tricolor gaúcho naquela noite.



Após a eliminação para o Flamengo, o Grêmio conseguiu engatar cinco vitórias seguidas no Brasileirão. Mais do que isso: venceu o Inter e fechou o ano sem perder um Gre-Nal sequer. E de quebra garantiu vaga direta na Libertadores de 2020 nos jogos seguintes.

A partir da goleada sofrida, o Grêmio venceu: Botafogo, Vasco, Inter, CSA e Chapecoense. Ainda perdeu novamente para o Flamengo, em casa, e depois bateu o Palmeiras. Detalhe: dos sete jogos, apenas quatro gols sofridos, todos de bola parada.

A cicatrização da eliminação foi fechada quando o Grêmio garantiu a vaga direta na fase de grupos da Libertadores, após vencer o Cruzeiro na penúltima rodada do Brasileiro.



















Grêmio, retrospectiva,


PALMEIRAS CAMPEÃO MUNDIAL? SÃO PAULO CAMPEÃO DA COPA DO BRASIL? PALPITES PARA O ANO DE 2020

VEJA: Clique aqui e veja as promoções que a Network BG preparou para você acompanhar todos os jogos da temporada

LEIA TAMBÉM: Grêmio nega propostas de saída por Jean Pyerre e Everton

Clique aqui e confira séries, comentários, filmes e tudo sobre futebol! Teste agora!<\a>



Comentários




Leia também

24/2/2020









23/2/2020







CAMPEONATO GAÚCHO - 11:51 (3)

Grêmio foca na continuidade do Campeonato