Athletico devolve placar, vence Grêmio nos pênaltis e vai à decisão


Fonte: UOL Esporte

Foto: Gabriel Machado/AGIF
O Athletico é o primeiro finalista da Copa do Brasil de 2019. O time paranaense devolveu o placar de 2 a 0 no jogo de ida, em Porto Alegre, e venceu o Grêmio na decisão por pênaltis (5 a 4) em duelo disputado na noite de hoje (4), com Arena da Baixada lotada.



O Athletico dominou o Grêmio desde o primeiro minuto de jogo. De tanto que pressionou, conseguiu devolver a vantagem construída pelos gaúchos no duelo de ida. A decisão, então, foi para os pênaltis.

Bruno Guimarães, Rafael Galhardo, Lucho, David Braz, Nikão, Alisson, Marcelo Cirino, Matheus Henrique e Marco Ruben converteram suas cobranças. A vitória do Athletico veio após o erro de Pepê na quinta e última penalidade, com defesa de Santos.

O Athletico agora espera o segundo jogo da outra semifinal, entre Cruzeiro e Internacional, para saber quem irá encarar na final. O duelo acontece às 21h30 de hoje, no Beira-Rio.

As finais da Copa do Brasil acontecem já nas próximas semanas, nos dias 11 e 18 de setembro.

Quem foi bem: Bruno Guimarães e Rony

Galhardo entrou frio em campo e foi presa fácil para Rony e Márcio Azevedo pelo lado esquerdo do ataque do Athletico. Kannemann deixou o Grêmio em situação complicada ao dar uma entrada violenta em Cittadini e deixar o time com um a menos.

VAR em ação logo aos 3min. Grêmio reclama de pênalti, e muito

Após cobrança de escanteio, Geromel cabeceou e a bola pegou no braço de Wellington. Depois de se comunicar com a cabine do VAR, o árbitro Wagner do Nascimento Magalhães foi até o monitor para checar o lance. Após certa demora que inclusive gerou reclamação por parte dos dois times, o juiz mandou o jogo seguir, para irritação dos jogadores gremistas e, especialmente, de Renato Gaúcho.

Leonardo se machuca, Grêmio vacila na recomposição e Athletico aproveita

Leonardo levou a pior em uma dividida e, ao apoiar o pé no chão, sentiu o joelho direito. E foi justamente pelo setor do lateral - que estava fora de campo e ainda não havia sido substituído por Galhardo - que o Athletico conseguiu encontrar espaço para abrir o placar. Rony avançou pela esquerda, cruzou e Bruno Guimarães mandou de primeira na trave. No rebote, de direita, Nikão encheu o pé e mandou para as redes, aos 16min, incendiando a torcida na Arena.

Sem Cebolinha e Maicon, Grêmio vê Athletico controlar o jogo

Sem Cebolinha, suspenso, e Maicon, machucado, o Grêmio encontrou dificuldades para apresentar duas marcas características de seu jogo: o controle de bola e a velocidade nos contra-ataques. O time gaúcho cedeu à pressão do Athletico e viu os donos da casa ditarem o ritmo, com a equipe paranaense ficando a maior parte do tempo com a bola - e no campo adversário.



Kannemann deixa Grêmio em situação ainda mais complicada

Kannemann abusou da força ao parar contra-ataque puxado por Cittadini e dar uma entrada violenta no jogador do Athletico. Recebeu cartão vermelho direto do árbitro e, com isso, deixou o Grêmio em situação ainda mais complicada na partida, com um homem a menos. Para recompor a equipe, Renato Gaúcho colocou David Braz na vaga de André. Tiago Nunes respondeu, colocando Vitinho e Vitinho nas vagas de Rony e Wellington. Mas a decisão foi mesmo para os pênaltis.

Grêmio, Copa do Brasil, Tricolor, Athletico

LEIA TAMBÉM: Renato reitera desejo de permanecer no Imortal em 2020

LEIA TAMBÉM: Everton comenta sobre renovação próxima com o Tricolor: "Aceitava contrato vitalício"

Clique aqui e confira séries, comentários, filmes e tudo sobre futebol! Teste agora!<\a>

VEJA:
Clique aqui e veja as promoções que a Network BG preparou para você acompanhar todos os jogos do Grêmio da temporada

Comentários



Fernando Scussel     

Uma vergonha absurda! Renato insiste em sua burrice de jogar com um a menos em campo, ou seja, com André. Mais cedo ou mais tarde o futebol cobra o preço de um a menos... Aconteceu ontem.. e vai acontecer de novo na libertadores se esse ignorante não tirar o André. Em segundo lugar a arbitragem novamente nos roubando! Não tem como desse jeito

Roberto Oliveira     

O Grêmio de hoje foi o Palmeiras da semana passada! já vivi o bastante pra identificar esse toma lá dá cá! MARMELADA!!!

Joao Schernn     

Cristiane concordo plenamente contigo rebato um covarde covarde covarde romulo pelo amor dos covardes vsmos tomar um baile do flamengo e que vamos fazer no brasileirao agora sera o que esse fanfarao vai falar na entrevista arrogante se acha pra mim podia ir jogar futevolei no rio e nunca maus voktar.

Podia ter levado 3 ou 4 que não seria exagero, atuaçao pessima

Paulo vitor ta muito mal, chega desse André pelo amor de Deus

Quando o maicon não joga não temos meio campo o geromel eo kennemam tem que ficar rifando a bola toda hora pra frente tem que colocar agora Tardelli, Everton, luan eo patrick no ataque

Rodnei Vaz     

time medíocre jogou com medo sem vontade achou que ia ter vida facil levou a virada se tem 2 jogadores que nao deviam estar ano q vem é o André e o paulo vitor mao de alface

Marcelo Grohe fez muita falta hoje, Paulo Victor não dá mais

Renato errou, covarde, Deveria ir pra cima. O Gremio nao sabe jogar com vantagem. Covarde Renato

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui.

Leia também

20/9/2019












19/9/2019




BRASILEIRÃO - 16:12 (0)

Ingressos para Grêmio x Avaí