Grêmio encerra sequência na Arena antes de fazer quatro jogos fora de casa

Tricolor jogará duas vezes em São Paulo e ainda atuará em Curitiba e Belo Horizonte


Fonte: Gaúcha Tricolor

Félix Zucco / Agencia RBS
O Grêmio volta a campo, no próximo sábado (24), para enfrentar o Athletico-PR, pelo Brasileirão. A partida irá marcar o final de uma sequência de quatro jogos seguidos na Arena, iniciada contra o mesmo adversário, pela Copa do Brasil, no dia 14, e que passou pelos confrontos com o Palmeiras.

Nas próximas semanas, o time de Renato Portaluppi sairá para jogar quatro jogos fora de Porto Alegre. O primeiro deles será contra o Palmeiras, pela Libertadores. Depois, São Paulo, Athletico-PR e Cruzeiro receberão o Grêmio, por Brasileirão e Copa do Brasil.

Mas mesmo atuando quatro vezes seguida em casa, os titulares só começaram os jogos das copas. No Brasileiro, a equipe alternativa foi e será utilizada.

— A gente pensa sempre jogo a jogo. O Grêmio e o Inter são dois clubes que estão em duas competições. Quem muito quer, nada tem. Daqui a pouco, o Grêmio conquista um título e dizem que foi tudo certo, como nos últimos anos. Se o presidente diz para ir só no Brasileiro, vamos só no Brasileiro — disse Renato, após a derrota para o Flamengo, no último dia 10 de agosto.

O fator mais importante do revezamento mesmo sem viagens, na avaliação da comissão técnica, é recuperar os atletas fisicamente. Neste período, até a viagem para São Paulo, programada para a tarde da próxima segunda-feira, os jogadores gremistas terão realizado 11 treinamentos, com intensidades variadas, já que muitos deles sucedem ou antecedem jogos.

Quando viajar para São Paulo, onde permanecerá por seis dias para enfrentar Palmeiras (Libertadores) e São Paulo (Brasileirão), o Grêmio terá três dias para treinos — dois deles não poderão ter um alto grau de exigência, já que serão pós e pré-jogo.

Neste mesmo período, o Palmeiras, que disputa Brasileirão e Libertadores, terá feito apenas os jogos contra o próprio Grêmio, já que a CBF mudou a data da partida contra o Fluminense, na próxima rodada do Brasileirão, para o dia 10 de setembro. A equipe de Felipão fará 13 treinamentos.

— O Palmeiras vai ter seis dias livres para preparar o time para esta decisão. Já o Renato vai ter que preparar o time para o Brasileirão e também para Libertadores. O certo seria ter direitos iguais para todos. Se o Palmeiras não vai jogar, seria justo o Grêmio também não jogar — protestou o lateral-direito Galhardo, que deverá atuar contra o Athletico-PR, pelo Brasileirão, após a lesão muscular de Léo Moura.

Após a partida no Morumbi, contra o São Paulo, na manhã do sábado, o grupo gremista retornará a Porto Alegre em voo fretado. No CT Luiz Carvalho, Renato Portaluppi comandará três atividades, antes de encarar uma viagem para Curitiba, onde disputará a segunda semifinal da Copa do Brasil, contra o Athletico-PR, no dia 4 de setembro.

De Curitiba, o grupo partirá no dia 5 rumo a Belo Horizonte, onde terá o Cruzeiro como rival na manhã do domingo, dia 8, no Mineirão. A volta para casa acontecerá no mesmo dia, já que, possivelmente, três dias depois o Grêmio poderá estar envolvido na primeira partida decisiva da Copa do Brasil.


LEIA TAMBÉM: Renato reitera desejo de permanecer no Imortal em 2020

LEIA TAMBÉM: Everton comenta sobre renovação próxima com o Tricolor: "Aceitava contrato vitalício"

Clique aqui e confira séries, comentários, filmes e tudo sobre futebol! Teste agora!<\a>

VEJA:
Clique aqui e veja as promoções que a Network BG preparou para você acompanhar todos os jogos do Grêmio da temporada

Comentários



Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar!

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui.

Leia também

20/9/2019












19/9/2019




BRASILEIRÃO - 16:12 (0)

Ingressos para Grêmio x Avaí