Everton, astro mundial


Fonte: Diario Gaucho

O nosso menino consagrou-se mundialmente nesta Copa América. Inegavelmente, foi o melhor jogador da Seleção e começou na reserva. Na final, foi o maior responsável pela vitória e pela conquista do título. Marcou um golaço e sofreu o pênalti do terceiro gol, decorrente de jogada individual. Ademais, foi premiado como goleador da competição.



Se por um lado, o risco do Grêmio perdê-lo na janela aumentou, por outro, garante também ao Tricolor a possibilidade de receber um elevado valor por uma eventual transação. Não há mais aquela hipótese de que jogador gaúcho tem limite de valor. Um craque como Everton não teria preço no mercado, em face de suas atuações extraordinárias. E o Grêmio sabe disso.

Quem quiser levá-lo, que pague a quantia estabelecida pelo clube. Senão, ficamos com ele na Arena, honrando a camisa gremista e o futebol gaúcho. No jogo, o Brasil foi superior, mas o Peru foi um bom adversário. Valorizou o título brasileiro, embora seja reconhecidamente inferior. Além de Everton, o principal destaque, Arthur teve grande atuação, o mesmo acontecendo com a zaga nacional. E, também merecidamente, Daniel Alves foi eleito o melhor da Copa América.



Início de uma renovação

Pelo que vi, nossa Seleção precisa melhorar para o enfrentamento com os grandes europeus, e esta Copa América vai servir para o início de uma renovação, uma vez que muitos jogadores estão em final de carreira. E o técnico Tite precisa ser cumprimentado, embora também tenha de amadurecer como técnico de Seleção e dar maior atenção à meritocracia. Mas foi campeão, e como tal merece respeito.

Grêmio, Eveton

LEIA TAMBÉM: Renato elogia postura do Grêmio contra Athletico: "Desde o início vi minha equipe ligada, focada"

LEIA TAMBÉM: Repleto de reservas, Grêmio derrota o Athletico na Arena

Clique aqui e confira séries, comentários, filmes e tudo sobre futebol! Teste agora!<\a>

VEJA:
Clique aqui e veja as promoções que a Network BG preparou para você acompanhar todos os jogos do Grêmio da temporada

Comentários



Mario Karlinski     

Ganhar copa América e mesma coisa que bater e bêbado.

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui.

Leia também

24/8/2019


















23/8/2019