Cebolinha em alta, Guerrero cornetado, desfalque de peso... bastidores da goleada do Brasil


Fonte: Blog do Jorge Nicola

(Anderson Rodrigues/Gazeta Press)
Classificado em primeiro lugar, com direito à goleada e fazendo as pazes com a torcida. Mas o triunfo por 5 a 0 em cima do Peru, neste sábado, em Itaquera, também teve uma série de curiosidades e bastidores, que você confere aqui.



Queridinho da galera: Antes mesmo de ser um dos destaques na goleada em cima do Peru, Éverton Cebolinha já havia sido muito festejado quando seu nome foi anunciado entre os titulares. Durante o jogo, escutou-se algumas vezes o grito de “É Cebolinha... é Cebolinha”.

Sem trégua: Já Paolo Guerrero não terá boas lembranças de seu retorno à arena corintiana. O quarto maior artilheiro do estádio foi vaiado quase todas as vezes em que tocou na bola. Quando acabou substiuído, na etapa final, Guerrero tomou a maior vaia do sábado.

Sem plateia: A crítica ao torcedor brasileiro pelo comportamento calado nos jogos contra Bolívia e Venezuela não se justifica neste sábado. Instigado pelos peruanos, que tentaram empurrar sua seleção, os brasileiros cantaram quase todo o jogo.

Xô, favoritas: Com a vitória folgada em cima do Peru, o Brasil se livrou do risco de pegar Uruguai ou Chile nas quartas de final. A única seleção considerada favorita que ainda pode entrar no caminho brasileiro no próximo mata-mata é a Argentina, se ela for terceira colocada de sua chave.

A perigo: O Peru, que parecia o maior concorrente do Brasil no Grupo A, vai ter de torcer para não ficar fora da próxima fase. Terceiro da chave, o time de Gareca pode cair fora se a Argentina e o Japão ganharem por goleadas, além de pelo menos um empate do Paraguai.

Fim do jejum: Daniel Alves voltou a balançar as redes pela seleção brasileira depois de 23 jogos. O último gol do lateral-direito havia ocorrido há quase três anos e três meses, no empate em 2 a 2 com o Paraguai.

Desfalque pesado: Autor do primeiro gol do jogo, Casemiro está suspenso do jogo das quartas de final - ele levou dois amarelos. O ex-volante do São Paulo está invicto há sete anos na seleção e não esteve nas duas derrotas da era Tite.

Ranking de público: Os 45.067 torcedores que estiveram em Itaquera representaram o segundo maior público da Copa América, levando em consideração pagantes e convidados. Somente a abertura do torneio, no Morumbi, teve mais: 47.260.



Chance perdida: Titular neste sábado, Gabriel Jesus desperdiçou pênalti em um dos últimos lances do jogo. Com isso, ele perdeu a chance de se tornar ainda mais isolado na artilharia da seleção na era Tite. Jesus soma 16 gols, contra 13 de Neymar e 12 de Philippe Coutinho.


PALMEIRAS CAMPEÃO MUNDIAL? SÃO PAULO CAMPEÃO DA COPA DO BRASIL? PALPITES PARA O ANO DE 2020

VEJA: Clique aqui e veja as promoções que a Network BG preparou para você acompanhar todos os jogos da temporada

LEIA TAMBÉM: Grêmio já teria acertado com dois reforços, mas anúncio deverá ser feito apenas em 2020

Clique aqui e confira séries, comentários, filmes e tudo sobre futebol! Teste agora!<\a>



Comentários




Leia também

20/1/2020







19/1/2020






Categorias de base - 13:25 (4)

Grêmio decide 1º título do ano com jovens


REFORÇO PARA AS GURIAS! - 12:32 (1)

Lateral Sinara é reforço para as Gurias Gremistas