Maior campeão da Copa do Brasil, Felipão busca quinto título no torneio

Treinador conquistou a competição por Criciúma, Grêmio e Palmeiras


Fonte: Diário Gaúcho

Felipão busca segundo troféu na Copa do Brasil pelo Grêmio
Foto: Lauro Alves / Agencia RBS

Luiz Felipe Scolari é especialista em Copas do Brasil. Ele é o único técnico a ter mais de um título na competição — e são quatro (Criciúma, em 1991; Grêmio, em 1994; e Palmeiras, em 1998 e 2012). Nesta quinta-feira, contra o Santos, novamente pelo Grêmio, ele inicia a tentativa do seu quinto troféu no torneio — assim como o clube, que tenta se tornar o maior campeão de forma isolada.

O primeiro título de Felipão na Copa do Brasil foi sobre o seu clube do coração. Pelo Criciúma, bateu o Grêmio na decisão depois de dois empates — 1 a 1 no Olímpico e 0 a 0 em Santa Catarina, com o troféu determinado pelo gol qualificado.

Em 1994, o técnico se redimiu com a torcida gremista. Uma vitória sobre o Ceará por 1 a 0 em Porto Alegre, que seguiu um empate sem gols no Nordeste, confirmou o bicampeonato do treinador e do clube no torneio.

Os dois últimos títulos de Felipão na Copa do Brasil foram pelo Palmeiras. Em 1998, na final contra o Cruzeiro, o time paulista perdeu por 1 a 0 fora de casa e venceu por 2 a 0 no Morumbi. Em 2012, depois de eliminar o Grêmio na semifinal, o time liderado por Barcos derrotou o Coritiba na decisão — vitória por 2 a 0 na Arena Barueri e empate por 1 a 1 no Couto Pereira.

Técnicos campeões da Copa do Brasil

Luiz Felipe Scolari — Criciúma (1991), Grêmio (1994), Palmeiras (1998 e 2012)
Cláudio Duarte — Grêmio (1989)
Jair Pereira — Flamengo (1990)
Antônio Lopes — Inter (1992)
Pinheiro — Cruzeiro (1993)
Eduardo Amorim — Corinthians (1995)
Levir Culpi — Cruzeiro (1996)
Evaristo de Macedo — Grêmio (1997)
Valmir Louruz — Juventude (1999)
Marco Aurélio — Cruzeiro (2000)
Tite — Grêmio (2001)
Carlos Alberto Parreira — Corinthians (2002)
Vanderlei Luxemburgo — Cruzeiro (2003)
Péricles Chamusca — Santo André (2004)
Vágner Mancini — Paulista (2005)
Ney Franco — Flamengo (2006)
Renato Portaluppi — Fluminense (2007)
Nelsinho Baptista — Sport (2008)
Mano Menezes — Corinthians (2009)
Dorival Júnior — Santos (2010)
Ricardo Gomes — Vasco (2011)
Jaime de Almeida — Flamengo (2013)

Por indicação de Jorge Jesus, Benfica faz contato por Everton

[COMENTE] O Grêmio deve investir na contratação do lateral Diogo Barbosa?





Comentários



Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar!

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui.

Leia também

5/8/2020


4/8/2020


Gre-Nal - 18:26 (0)

Agora é Gre-Nal