Coluna do Cacalo: Venda de laterais-esquerdos enfraqueceu o Grêmio


Fonte: Diário Gaúcho

Wendell foi vendido recentemente
Foto: AFP PHOTO/Raul ARBOLEDA / AFP

É normal que o Grêmio precise negociar jogadores em face de eventuais dificuldades financeiras. Ao longo da história, o clube utilizou esse instrumento para cumprir com seus compromissos. Nas gestões que participei, também foram feitas transações importantes que ajudaram a melhorar a saúde financeira. Mas, isso pode criar uma dificuldade ao próprio time, que também precisa de escalação equilibrada e de vitórias.

No momento atual, após se desfazer de dois laterais-esquerdos, no caso Alex Telles e Wendell, parece que não houve solução para as ausências. Isso leva o técnico Enderson Moreira a improvisar o zagueiro Saimon, a quem considero um dos melhores do Grêmio na sua verdadeira função.

Mecânica de jogo

Ocorre que a ausência de um atleta especialista na função de lateral está criando dificuldades para a mecânica de jogo, fato que compromete a atuação equilibrada do time. Espero que, com a quantidade de atletas que possui para o meio-campo, o técnico consiga aproveitar um jogador que produza para a equipe, a fim de manter o equilíbrio pelos dois lados. Especialmente no quesito ataque, que vem sendo prejudicado. Até porque, é um desperdício a escalação de Saimon, que vem dando conta do recado, mas que é excelente na zaga.

Grêmio se afunda ainda mais em noite terrível no Chile e sente clamor por mudanças

Grêmio é recebido com protesto na Arena após derrota na Libertadores





Comentários



Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar!

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui.

Leia também

19/9/2020











18/9/2020