Grêmio já é outro com Renato Gaúcho

Time assumiu a vice-liderança da Série B


Fonte: http://esportes.terra.

Com a chegada de Renato Gaúcho, é nítida a melhora do Grêmio na Série B do Brasileirão. O time ganhou bastante, pelo menos em motivação. Deu outra prova disso na vitória por 3 a 0 sobre o Sport, na noite dessa terça (20), em Porto Alegre. Foi bastante superior ao adversário e poderia ter vencido por um placar mais dilatado ainda.


Com o resultado, pulou para o segundo lugar na competição, com 53 pontos, oito a mais que o quinto, o Londrina, com 45. A volta do Grêmio à elite nacional está, portanto, cada vez mais próxima de ser consumada, embora esse fosse também o cenário quando a equipe estava sob o comando de Roger Machado., o de que a classificação viria, cedo ou tarde.

A diferença principal a partir da contratação de Renato Gaúcho, no dia 1 de setembro, foi a da entrega dos jogadores em campo. Agora, disputam a bola com energia, não desistem das jogadas com facilidade. Acreditam até o último instante. Dessa forma, o time voltou aos braços da torcida, que acatou assim um apelo do novo treinador.

Há, porém, uma clara constatação para quem acompanha os jogos do Grêmio. O elenco é limitado tecnicamente e, hoje, não estaria em condições de fazer um bom papel na Série A. Precisará de reforços, notadamente para o meio de campo e ataque.


VEJA TAMBÉM
- Renato viaja para o Rio de Janeiro e não comanda treino do Grêmio
- Secador ligado: Grêmio seca o Bahia para ficar na vice-liderança da Série B
- Grêmio pede efeito suspensivo no STJD para reverter perda de mandos de campo





Comentários



Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar!

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui.

Leia também

24/9/2022




A 4 e a 5 são as melhores! - 12:19 (1)

7 curiosidades sobre Elano, ex-meia do Grêmio





23/9/2022












Vamos recuperar os mandos de campo?? Entenda! - 08:14 (0)

Grêmio pede efeito suspensivo no STJD para reverter perda de mandos de campo