1Win

Camiseta 'revolucionária' tem venda turbinada e rivaliza com nº 1 do Grêmio

Sucesso de terceiro uniforme, concebido em degradê, é comemorado pelo clube


Fonte: GloboEsporte

Camiseta revolucionária tem venda turbinada e rivaliza com nº 1 do Grêmio
Torcedores olham terceira camisa na loja da Arena (Foto: Eduardo Moura/Globoesporte.com)

O Grêmio lançou uma nova camiseta há menos de 20 dias cheio de expectativa, a ponto de o presidente Romildo Bolzan Júnior chamá-la de "revolucionária". E o adjetivo não foi à toa, pois ela pode ser considera um sucesso. O terceiro uniforme do clube, com um degradê do azul ao preto, tem número de exemplares vendidos capazes de rivalizar - e até superar - os apresentados pelo principal, o tradicional tricolor.

Depois do jogo com o Corinthians, na última semana, as vendas também aumentaram nacionalmente, pela exposição na televisão aberta para todo o Brasil, segundo relato do departamento de marketing tricolor. De quebra, é pé-quente. Foi usada duas vezes e, em ambos os jogos, o Grêmio acabou vencedor.

Não houve nenhuma divulgação oficial dos números de camisetas vendidos nas lojas do Tricolor e da Umbro, fornecedora de material esportivo. Mas as vendas na Grêmio Mania principal, localizada na Arena, ultrapassaram tanto o uniforme branco quanto o azul, preto e branco. De acordo com as estimativas de vendas do clube, a terceira camisa vendeu aproximadamente 4 mil exemplares desde o lançamento, contra cerca de 3,5 mil da tricolor no mesmo período. Ainda assim, a projeção aponta que, ao final do ano, o uniforme tradicional deva contabilizar 60% das vendas.

Na vitória por 3 a 1 sobre o Corinthians, no estádio gremista, na última quarta-feira, a arara com as novas camisetas era a mais procurada pelos torcedores na loja. Ela fora usada ainda no 1 a 0 sobre o Figueirense, também em casa, com James Freitas de treinador interino.

- Eu estou ainda sem nenhum balanço da Umbro, mas posso dizer, por exemplo, que neste último jogo foi uma venda bem forte. Desde o lançamento, caiu no gosto do torcedor. Já passou a branca em nível de venda diária e está próxima da tricolor. Claro que é um lançamento, uma novidade, mas passou a segunda, que tem uma demanda importante, e nestes dias a média diária de venda se aproximou da primeira camisa, que é a mais procurada sempre - comentou o diretor executivo de marketing, Beto Carvalho, ao GloboEsporte.com.


ogadores do Grêmio comemoram contra o Corinthians de roupa nova (Foto: Lucas Uebel / Grêmio, DVG)

O relato em conversas com a fornecedora de material esportivo também é de crescimento da venda da camisa degradê Brasil afora. A transmissão da vitória por 3 a 1 sobre o Corinthians, quando o Grêmio usou o uniforme, ajudou. Antes, havia sido utilizada também na vitória sobre o Figueirense, quando o agora auxiliar James Freitas comandou a equipe na Arena.

O preço sugerido para a peça é de R$ 239,90, mesmo valor das outras opções que não são utilizadas pelos atletas em campo. As camisetas de jogo, tricolor e branca, custam R$ 299,90. O Grêmio lançou a nova camiseta no dia 21 de maio, em solenidade simples nas tribunas da Arena. O goleiro Marcelo Grohe, o meia Giuliano e o capitão Rhodolfo foram utilizados de modelo para mostrar a nova opção para os gremistas.

A nova chance para usar o novo uniforme será neste domingo. O duelo é contra o líder do Brasileirão, o Atlético-PR, na Arena. O retrospecto recomenda o degradê.


Camiseta está em destaque na loja Foto: Eduardo Moura/Globoesporte.com)

VEJA TAMBÉM
- Grêmio confiante para a Libertadores, e as lesões intermináveis
- Grêmio perde para o Vasco em São Januário na estreia do Brasileirão
- Tricolor escalado para o jogo contra o Vasco





Comentários



Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar!

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui.

Leia também

22/4/2024