1Win

CBF: Limite de reeleição e fim do poder do vice mais velho só na próxima eleição

Com Marin fora, Delfim Peixoto segue como o primeiro na linha de sucessão de Del Nero


Fonte: LanceNet!

CBF: Limite de reeleição e fim do poder do vice mais velho só na próxima eleição
Delfim de Pádua Peixoto segue tendo prerrogativa ao ser o vice mais velho da CBF (Foto: CBF)

A assembleia geral da CBF rejeitou nesta quinta-feira a alteração imediata no estatuto da entidade para que o vice-presidente mais velho deixe de ser o primeiro na linha de sucessão caso haja algum impedimento com o titular da cadeira, hoje ocupada por Marco Polo Del Nero. A medida, no entanto, só vai passar a valer no próximo processo eleitoral. O atual mandato termina em 2019.

Desta forma, com a suspensão de Marin por causa da acusação de suborno e prisão em Zurique, Delfim de Pádua Peixoto - que representa a região Sul e preside a Federação Catarinense - continua como vice mais velho e, portanto, como substituto imediato em caso de algum impedimento de Del Nero.

Os presidentes das federações estaduais que compõem a assembleia da CBF, de forma unânime - segundo o LANCE! apurou - não quiseram "mudar o regulamento durante o jogo".

Alem de Delfim, os vices da CBF são Marcus Vicente (Centro-Oeste), Fernando Sarney (Norte) e Gustavo Feijó (Nordeste).

Outros pontos do estatuto da entidade ainda estão sendo debatidos na reunião, que começou às 10h30 desta quinta-feira.





VEJA TAMBÉM
- Grêmio perde para o Vasco em São Januário na estreia do Brasileirão
- Tricolor escalado para o jogo contra o Vasco
- Veja a provável escalação do Tricolor para o jogo de hoje





Comentários



Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar!

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui.

Leia também

21/4/2024