Renato admite incerteza sobre permanência de Arthur no Grêmio: "Muito difícil"

Treinador também lamenta ausência do volante para a disputa do Mundial de Clubes


Fonte: Globo Esporte

Arthur com o pé imobilizado após fratura (Foto: Beto Azambuja)
Desde que teve uma foto em que vestia a camiseta do Barcelona vazada nas redes sociais, o nome de Arthur ronda o noticiário de transferências de fim de ano. O destaque do jovem de 21 anos despertou a atenção dos catalães, que viajaram até Porto Alegre para conhecer de perto o jogador e sua família. A proposta ainda não chegou à mesa do presidente Romildo Bolzan Júnior, mas parece questão de tempo. Até o técnico Renato Gaúcho já admite que o pupilo dificilmente ficará para 2018.


O volante começou a temporada no grupo de transição. Fez uma partida pela Primeira Liga que fez o treinador observá-lo com mais gosto. Em pouco tempo, assumiu a titularidade – “beneficiado” pelas lesões do capitão Maicon – para brilhar no Brasileirão e na Libertadores. Na segunda-feira, foi premiado como revelação e um dos melhores meio-campistas do campeonato nacional.

– O Arthur é um jogador que pegou a camisa de titular e não largou mais. Jogou em grande estilo, nos ajudou muito. Chegou à seleção brasileira. Era um dos destaques da nossa equipe. Talvez não temos um jogador com a qualidade dele, mas há outros com grandes qualidades – comentou Renato Gaúcho durante entrevista coletiva nesta terça-feira, na Arena.

Portaluppi comparou Arthur a outros jogadores do grupo justamente porque não terá o jovem para o Mundial de Clubes. Na final da Libertadores, contra o Lanús, ele rompeu o ligamento do tornozelo esquerdo e terá de parar por pelo menos 45 dias. Nem a lesão, porém, arrefeceu o assédio dos europeus em contar com o volante nos próximos meses.

– O assédio tem sido muito grande, é uma coisa normal. Mas nos deixa felizes, todo mundo, sabendo que tem mais um jogador que os europeus estão de olho. Se ele ele vai continuar, sinceramente, acho muito difícil – admitiu o treinador.

Arthur falou nesta segunda-feira sobre o assédio do Barcelona, durante a premiação do Campeonato Brasileiro 2017. No Rio de Janeiro, o meio-campista garantiu que não há “nada assinado” com o Barça. No entanto, admitiu um “início de conversa”.

A multa de Arthur é de 50 milhões de euros (R$ 193,5 milhões). O Grêmio tem 70% dos direitos econômicos do atleta. Recentemente, o clube gaúcho rechaçou uma proposta na casa dos 35 milhões de euros (R$ 135,4 milhões) por 100% dos direitos econômicos do atleta.

Comentários



Teria que ter uma lei que todos jogadores que subissem das categorias de basepara o profissional teriam que atuar na equipe por 3 anos e não poderiam sem ser vendido se cumprir este contrato

Rodnei Vaz     

mas o grêmio ta fazendo certo investimento na base e dois títulos importantes nos últimos 2 anos tem que continua assim fazendo csixa e revelando talentos dá-lhe tricolor

João Ferreira     

É, o que restou para o futebol brasileiro, jogador de futebol, se destaca em uma temporada e, não temos a condição de ficar com o atleta, isto tudo que vem acontecendo devemos agradecer o grande PELÉ, que criou todo este senário para os clubes brasileiro.
O que teria que ter é, uma lei onde os clubes brasileiros não poderiam trazer jogadores de fora do país, assim como não poderia sair do Brasil para outros países.....
já pensaram o quanto teríamos de craques jogando nos nossos clubes, a rivalidade que teríamos em nossos Campeonatos, estádios lotados, arrecadação que teríamos com certeza seria outra, em condições de ter atletas com grande salários, jogadores jogando pelos clubes e não pelo interesse de ir para a Europa....
olha só um brasileirão disputado com todos os nossos grandes jogadores competindo e atuando somente no Brasil...
tem tanta lei no Brasil, porque não é criado uma lei assim???
A valorização não seria somente para os clubes, mas também para os jogadores, treinadores e sim , para os clubes e para nós torcedores, que nunca sabemos com quem iremos contar para o próximo ano.....
Aí, o que vimos é, treinadores rodando de clube em clube, sem conseguir manter um grupo competitivo e, que possa trabalhar no mínimo 2 anos, tem que montar o grupo em um ano e, dar o resultado já, pois no próximo ano, se não deu certo, ele não serve..
quem concorda favor opinar!!!

szzßSz

joao pessoa     

VOCÊ QUE ESTÁ CANSADO DE TER POUCA PROGRAMAÇÃO DE TVV ASSSINATURA E NÃO CONCORDA COM OS VALORES COBRADOS
FAÇO LIBERAÇÃO E DIMINUÍMOS O VALOR DA CONTA
PARA TODO BRASIL
WHATZSAP 11 958694345

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui.

Leia também

15/12/2017





14/12/2017




CACALO - 11:25 (2)

Um convite para sonhar