Divergência em valores atrasa negociação entre Grêmio e Spartak por Luan

Convocado para a Seleção, atacante aceitaria ir para a Rússia desde que receba um montante a mais na negociação


Fonte: Globo Esporte

O chamado “dia D” para definir o futuro de Luan terá duração maior do que o esperado. Após um acerto entre Grêmio e Spartak, da Rússia, a negociação deu um passo atrás por uma questão muito direta: desacerto financeiro. Pela direção do Tricolor gaúcho, as tratativas entraram em “stand by”.



As conversas persistem e os dois clubes podem chegar a um denominador final nos próximos dias. Conforme apurado pelo GloboEsporte.com, Luan aceitaria atuar na Rússia, um mercado com menor visibilidade (segundo ele próprio) para a Seleção. Para isso, no entanto, exigiria uma fatia maior no negócio, e esse pedido se tornou o maior empecilho.

Enquanto a pendência não for resolvida, a proposta final não será encaminhada pelo empresário Jair Peixoto ao jogador. Tanto que Luan, em entrevista coletiva nesta quinta-feira, desconversou sobre o interesse. E preferiu falar sobre o sonho de ter sido convocado por Tite.

– Por enquanto, não chegou nada. Os caras do Grêmio não me procuraram. Disseram que estava acertado entre Grêmio e Spartak. Ninguém ouviu o meu lado. Então, não tenho muito o que falar. Quero aproveitar esse momento. Não quero ficar falando sobre isso. Há pessoas responsáveis. Se for ficar ou sair, vai acontecer no momento certo – disse, em entrevista coletiva.
Os envolvidos diretamente na negociação preferem pouco falar sobre o negócio em andamento.

- A negociação está em stand by, é o que podemos falar. Sempre é questão de valores – disse o vice de futebol Odorico Roman.
- O Grêmio negocia com o Spartak. Está com o clube – resume Jair Peixoto.

Após a vitória por 2 a 1 sobre o time argentino, Luan saiu de campo ovacionado pela torcida, sob pedidos de “fica”. Na saída de campo, disse que o Grêmio seria a melhor opção para ganhar visibilidade na Seleção, o que é um “sonho” para ele.

A proposta inicial do Spartak pelo camisa 7 gira em cerca de 20 milhões de euros (R$ 73 milhões). O valor oferecido pelos russos deixaria 14 milhões de euros (R$ 51 milhões) no cofre do clube, que tem 70% dos direitos do atacante.

Junto com Cássio, Luan foi uma das novidades da convocação de Tite para os jogos da seleção brasileira contra Equador e Colômbia, nos dias 31 de agosto e 5 de setembro, pelas Eliminatórias da Copa do Mundo de 2018. O atacante gremista só havia participado do amistoso contra a Colômbia, em janeiro, quando apenas jogadores do país foram chamados.

O Spartak tem até o dia 31 de agosto, quando fecha a janela de transferências, para concluir a negociação. Enquanto isso, Luan seguirá defendendo o Grêmio nos próximos jogos. Afinal, o atacante tem o futuro em aberto.



Comentários



é um segundo Ronaldinho

Tomara que não venda.

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui.

Leia também

19/8/2017







Voltando - 12:29 (3)

FOTO:Jogador usa máscara


Bolaños - 11:02 (11)

Bolaños irrita o Grêmio





18/8/2017







CACALO - 14:51 (2)

A batalha











Gigante da Galera - 09:09 (0)

Luciano Périco: Dor de cabeça gremista